Canal Comunitário
Domingo, 20 de Agosto de 2017
Ouvir Radio
busca
Buscar
Enviar este texto para um amigo          Imprimir este texto            Confira mais notícias relacionadas                         Mude o tamanho do texto Fonte 12 Fonte 14 Fonte 16
Tata Nano: microcarro indiano será vendido em vários países
Na Índia o modelo custa R$ 5,4 mil. O Tata Nano é produzido em versões para a India e em breve para a Europa. Esta última, com airbags e freios ABS provavelmente será a nacional
Tata Nano: microcarro indiano será vendido em vários paísesCarro  mais barato do mundo — custa cerca de US$ 3 mil ou R$ 5,4 mil —, o compacto indiano, agora, realmente irá desembarcar em solo brasileiro. Segundo a agência de notícias France Press, a fabricante vai começar a exportar o modelo para países como Bangladesh, Romênia, Turquia, Tailândia, Sri Lanka e também o Brasil.

De acordo com a France Press, o Nano terá sua exportação iniciada ainda em 2011 e deverá chegar aqui até o fim deste ano ou começo de 2012. Apesar da exportação garantida, a Tata não adiantou qual das versões do Nano será enviada aos países que receberão o carro — o Brasil terá a versão europeia.

Afinal, o Nano tem uma versão para o próprio mercado indiano e outra para o europeu — esta última deve ser lançada no Velho Continente no segundo semestre de 2011. Com 3,29 metros de comprimento, 1,59 m de largura, 1,60 m altura e 2,28 m de entre-eixos — bem menor do que o Ford Ka, com 3,83 m de comprimento —, o Nano vendido na Índia é equipado com motor dois cilindros de 663 cilindradas e 33 cv de potência máxima.

Já a versão do Nano que será vendida na Europa contará com um motor capaz de atender às normas europeias de emissão de gases poluentes. O propulsor, neste caso, é um três cilindros 1.0 litro de 60 cv de potência máxima — o câmbio é automático de cinco velocidades.

Além do motor, o Nano europeu também tem outras diferenças em relação à versão para o mercado indiano. O pequeno sairá equipado com freios com ABS, controle de estabilidade e airbags, entre outros itens para a segurança. Outra característica do Nano europeu é o acabamento interno mais aprimorado, com materiais de melhor qualidade. É esperar para ver.

Carrinho esperado

A primeira notícia de que o Tata Nano seria vendido no Brasil surgiu em 2008, ano de lançamento do modelo. Na época, especulou-se que o empresário Eike Batista planejava instalar uma fábrica no complexo portuário do Açu, no norte do Rio de Janeiro, para produzir o modelo.

Em seguida, novas especulações. Ratan Tata, dono da marca, garantiu que o carrinho chegaria ao país através de uma parceria com a Fiat e que a marca italiana fabricaria na Argentina e exportaria o Nano para toda América Latina.



Fonte: Luiz Almeida | Foto: Divulgação
Enviar este texto para um amigo          Imprimir este texto            Confira mais notícias relacionadas                        
Faça seus comentários a respeito deste texto
Dê sua opinião
Não há Comentários publicados.

O mais autêntico Blog da Rocinha. Matérias dos tempos antigos e posts do primeiro site www.rocinha.org estão na área de Blog

© Copyright 2007-2015  ® Todos os direitos reservados