Canal Comunitário
Domingo, 25 de Junho de 2017
Ouvir Radio
busca
Buscar
Enviar este texto para um amigo          Imprimir este texto            Confira mais notícias relacionadas                         Mude o tamanho do texto Fonte 12 Fonte 14 Fonte 16
David Portes 'camelot' - Marketing criativo direto do camelô
Ele perdeu o emprego de motorista e a casa onde morava, na Rocinha. Hoje o ex-camelô ganha 12 mil por cada palestra que dá sobre sua trajetória, algo que faz pelo menos 12 vezes por mês
David Portes camelot - Marketing criativo direto do camelô

Com 53 anos, 10 de carreira como palestrante e uma história de vida emocionante, David Portes, também conhecido como "David, The Camelot", estudou apenas até a antiga sétima série do ensino fundamental, trabalhou na lavoura de cana-de-açúcar e seu sucesso teve início no final dos anos 80, quando veio para o Rio de Janeiro, perdeu o emprego de motorista e a casa onde morava na favela da Rocinha. Com R$ 12 que pediu emprestado a um amigo, comprou doces para vender no sinal e logo descobriu a sua vocação de vendedor.

David investiu então em uma barraca de doces no centro do Rio, que funciona até os dias de hoje, com serviços bastante diferenciados como atendimento por telefone ou pela internet, promoções e ações que estimulam a participação da clientela.Abriu também a DMarketing, agência de comunicação que oferece diversos serviços na área da publicidade e de mídia.

Como a história mostra, David, que já dormiu na rua e passou fome, hoje cobra R$ 12.000,00 por 1 hora e meia de palestra, e para quem pensa que só um louco pagaria esse preço para assistí-lo, prepare-se, em média ele realiza 12 palestras por mês! Ele não se apresenta de terno e gravata, não precisa disso, e mesmo cometendo diversos erros na pronúncia das palavras, ninguém sai insatisfeito da sua palestra.

Peço para que você grave a informação de que ele no começo havia trabalhado como motorista de uma empresa. Sobre esse fato ele conta que esse trabalho não foi uma boa experiência, pois foi logo demitido. Esse episódio que parece irrelevante, em minha opinião, foi o fator fundamental para ele se tornar o que é hoje e explico o porquê no final do texto.

Sobre sua experiência na banca, David conta que suas promoções se baseiam principalmente no marketing boca a boca, sua técnica se resume em uma frase: "um passo para trás hoje são dois passos para frente amanhã". Analisando suas promoções você perceberá que é exatamente assim que acontece, os brindes são um passo para trás, o que parece um custo é na verdade um investimento, quando os clientes espalham essa gentileza e indicam a banca para mais amigos, essa atitude é o que ele considera os dois passos para frente amanhã.

Abaixo segue alguns exemplos de campanhas que ele realizou ao longos dos anos:

Promoção Dente Limpo

Após perceber que suas vendas haviam caído repentinamente, David resolveu fazer uma pesquisa com seus clientes para saber o real motivo, e constatou que eles estavam preocupados com sua saúde bocal. Foi então que, por meio de uma parceria com um consultório odontológico, David criou um cartão fidelidade onde havia 32 espaços para serem preenchidos, simulando os 32 dentes da arcada dentária. A cada compra um espaço era então preenchido, e após completar todos os espaços da cartela, o cliente tinha o direito de uma limpeza com flúor no consultório parceiro

Marketing Cai-Cai

A técnica não foi inventada por ele, mas o termo foi. A idéia é simples, mas muito eficiente. David resolveu que toda vez que algum produto caia da mão do seu cliente, a sua obrigação era dar a ele um outro produto igual, sem cobrar nada a mais por isso.

Banco de Dados

Voce já viu uma loja de camelô com um cadastro de clientes? Pois a banca do David tem. Para participar da maioria das suas promoções e sorteios, o cliente precisava realizar um cadastro, com seus dados pessoais e email. Com esses dados em mãos, David então enviava promoções, brindes de aniversário, informativos, etc... O melhor banco de dados, como diversos especialistas comentam, é aquele formado por seus próprios clientes e não um comprado de uma outra empresa.

É doando que se recebe

David já fez palestras para arrecadar alimentos para serem doados a entidades carentes. Quem já passou fome sabe o quanto esse tipo de atitude é valiosa.

Algumas de suas frases...

Um bom diretor de Marketing é aquele que procura as tendências e as opiniões dos consumidores diretamente da rua, um bom diretor de Marketing não deve nunca se acomodar em sua cadeira.

O marketing deve ser usado para descontrair o cliente, porque cliente descontraído fica com o bolso vulnerável.

O cliente é mesmo o Rei e não tem conversa.

Conclusão

O sucesso de suas palestras (e não da sua banca de camelô) eu resumo em 3 ingredientes: sua história de vida comovente (o que sensibiliza e muito o povo brasileiro e o acabam se tornando mais receptíveis), o seu conhecimento prático (diversas promoções bem sucedidas) e o dom de falar e cativar o público (esse poucos palestrantes, que não os motivacionais, possuem).

O cara realmente é bom, tem idéias mirabolantes sobre promoções e slogans que dificilmente alguma outra pessoa conseguiria formular. Mas uma pergunta eu faço para você, será mesmo que se ele não fosse despedido do seu emprego de motorista repentinamente e consequentemente não tivesse passado fome, hoje ele seria um palestrante milionário?

Em uma pesquisa que mostra que em nosso país 43% dos empreendedores abrem seu negócio apenas por necessidade, eu acho um pouco difícil. Mas o importante é que hoje ele está ai, dono de mais 5 empresas, uma BMW e um Rolls Royce.

Um exemplo vivo de superação, palmas para o David "The Camelot" Portes.

 Veja história na Wikipedia, ou no Youtube



Fonte: Diego Andreasi
Enviar este texto para um amigo          Imprimir este texto            Confira mais notícias relacionadas                        
Faça seus comentários a respeito deste texto
Dê sua opinião
Não há Comentários publicados.

O mais autêntico Blog da Rocinha. Matérias dos tempos antigos e posts do primeiro site www.rocinha.org estão na área de Blog

© Copyright 2007-2015  ® Todos os direitos reservados