Canal Comunitário
Quinta, 19 de Outubro de 2017
Ouvir Radio
busca
Buscar
Enviar este texto para um amigo          Imprimir este texto            Confira mais notícias relacionadas                         Mude o tamanho do texto Fonte 12 Fonte 14 Fonte 16
Radiografia de um baile funk

Todos os finais de semana, perto de cem mil pessoas vão aos bailes funk espalhados por toda a cidade do Rio de Janeiro e por outros municípios próximos. Os bailes acontecem em ruas, salões, quadras de escolas de samba e até em casas noturnas especializadas, a maior delas com capacidade para até dez mil pessoas.

Os personagens do baile
DJ - (Disc Jockey) como em quase toda festa, é responsável pela música. No baile funk assume importância maior, já que é encarregado pelas montagens (remixes) dos principais sucessos do funk no momento.

MC - (Microphone Controler / Mestre de Cerimônias) é a maneira pela qual os cantores de funk são conhecidos, embora isto seja considerado por alguns deles depreciativo. Nem todos os bailes têm apresentação ao vivo de MCs, embora isso fosse comum no passado.

Seguranças - garantem a tranqüilidade do baile. Por conta do número sempre grande de pessoas que vai à festa, alguns seguranças ficam no alto de plataformas, observando a movimentação de pessoas em busca de brigas. São orientados, em geral, a expulsar do baile qualquer pessoa que participe de uma briga.


Os números do baile
No maior baile funk do Rio de Janeiro, o Castelo das Pedras, que tem capacidade para até dez mil pessoas, os números impressionam. Confira:

Homens - em geral, representam pouco mais da metade da freqüência do baile. Em um sábado típico, no mínimo 3,5 mil homens vão ao Castelo *

Mulheres -
costumam ser um pouco menos da metade dos freqüentadores. Em um sábado normal, no mínimo 3 mil mulheres vão ao baile *

Preço do Ingresso -
sexta e sábado: R$ 1 (mulheres) e R$ 2 (homens), domingo: R$ 5 (mulheres) e R$ 7 (homens)

Cerveja -
9,6 mil latas são vendidas por semana (sexta a domingo) *

Refrigerantes -
6 mil latas são vendidas por semana (sexta a domingo) *

Água -
3,6 mil garrafas são vendidas por semana (sexta a domingo) *

Seguranças -
cerca de 30 homens uniformizados fazem garantem a tranqüilidade dos freqüentadores do baile. Além destes, há uma equipe de seguranças à paisana


Os tipos de baile
"Zona Sul"- acontecem em lugares freqüentados pelos cariocas mais ricos, como o Terra Encantada ou o Canecão. O público, em geral é de classes mais altas e vai aos bailes porque é a música da moda

Boates -
a maior delas é o Castelo das Pedras e milhares de pessoas se reúnem para dançar. Embora sem ar condicionado ou estacionamento, costumam ter boa estrutura e segurança, além de banheiros e camarotes

Quadras de escola-
tomam conta das quadras de escolas de samba, onde em outros dias se dança samba. Contam com a infraestrutura da escola, o que garante banheiros, camarotes, mas nem sempre estacionamento.

Comunidades -
acontecem nas favelas cariocas. Pode ser em salões ou mesmo no meio da rua. A infraestrutura do baile, assim como a segurança, depende muito do local e da comunidade onde acontece a festa

* valores aproximados, informados pelo Castelo das Pedras



Fonte: Funk Carioca
Enviar este texto para um amigo          Imprimir este texto            Confira mais notícias relacionadas                        
Faça seus comentários a respeito deste texto
Dê sua opinião
henrique
Postado 12/12/2010 19:37:49
eu to ai colado e noex
O mais autêntico Blog da Rocinha. Matérias dos tempos antigos e posts do primeiro site www.rocinha.org estão na área de Blog

© Copyright 2007-2015  ® Todos os direitos reservados