Canal Comunitário
Domingo, 19 de Novembro de 2017
Ouvir Radio
busca
Buscar
Enviar este texto para um amigo          Imprimir este texto            Confira mais notícias relacionadas                         Mude o tamanho do texto Fonte 12 Fonte 14 Fonte 16
Acadêmicos da Rocinha leva sundae, x-bacon e guloseimas para a Sapucaí
Escola falou da mistura de pratos e sabores na terra da feijoada. Carnavalesco mostrou 'churrasquinho de gato' na comissão de frente
Acadêmicos da Rocinha leva sundae, x-bacon e guloseimas para a Sapucaí

Oitava escola a entrar na avenida pelo Grupo A no Sambódromo do Rio, a Acadêmicos da Rocinha trouxe para a Sapucaí o divertido enredo "Mistura de sabores e raças: uma feijoada à brasileira". A escola começou a desfilar por volta das 4h20 e saiu às 5h07.

(VÍDEOS AO LADO: Comissão de frente; rainha de bateria; e a bateria da escola)

Versos do samba-enredo ("Solta um x-bacon, que frenesi / Um sundae com castanha e chantilly / O fast-food é a comida do povão / Tá duro, pede um podrão no Seu João") foram representados pelo carnavalesco Luiz Carlos Bruno com alegorias cheias de humor.

Na comissão de frente, a escola homenageou o "churrasquinho de gato". Passistas vestidas de gatas foram atraídas para uma enorme churrasqueira cênica, com coreografia de Sérgio Lobato. Ele é diretor da escola do Teatro Bolshoi no Brasil.

O enredo foi do sashimi ao chucrute, do quibe à pizza, passando pelo fast-food e um festival de guloseimas. O abre-alas da Rocinha trouxe uma nau transportando um porco assado. Bananeiras cobertas de frutos e legumes em canoas rumo à praia saíram do barco. O segundo carro alegórico teve uma macarronada com integrantes fantasiados de almôndegas para representar a culinária italiana.

A rainha de bateria da Rocinha, Isabele Gianazza, desfilou no cargo pelo segundo ano consecutivo. Na agremiação desde 2004, ela disse que a escola vai brigar pelo título. "A gente sempre acredita que fará o melhor. Cometemos alguns erros no ano passado que não vamos repetir esse ano, como exemplo a correria. É sempre uma emoção desfilar, é sempre como se fosse a primeira vez", disse.

O mestre-sala Diogo Jesus e a porta-bandeira Ana Carolina foram encarregados de defender as cores da Rocinha.

A Acadêmicos da Rocinha, fundada em 1988, resultou da fusão de três blocos da comunidade: Sangue Jovem, Império da Gávea e Unidos da Rocinha. Seus três primeiros carnavais foram desenvolvidos pelo carnavalesco Joãosinho Trinta. A escola já desfilou duas vezes no Grupo Especial. No carnaval passado ficou em oitavo lugar no antigo Grupo A.



Fonte: Carnaval Globeleza
Enviar este texto para um amigo          Imprimir este texto            Confira mais notícias relacionadas                        
Faça seus comentários a respeito deste texto
Dê sua opinião
Não há Comentários publicados.

O mais autêntico Blog da Rocinha. Matérias dos tempos antigos e posts do primeiro site www.rocinha.org estão na área de Blog

© Copyright 2007-2015  ® Todos os direitos reservados